POESIAS EM FOCO

quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

TODO SEU




TODO SEU

***

Do sentimento sou o grito
Que ecoa na amplidão,
Do seu corpo sou o controle
Que te abstém da ilusão,
Dos seus desejos sou ápice;
Da sua boca a paixão!
...
Do seu céu sou o arco-íris
Em matizes sem igual,
Das suas mão sou o toque
Em um apelo final,
Sou eriçar da sua pele
Em frenesim tresloucal!
...
Do sol sou raio nascente,
Pra sua cútis banhar,
Das madrugadas a aurora;
Da água sou o neblinar,
Pra de leve e sorrateira,
No seu corpo velejar,
...
Da chegada eu sou o grito,
E o terno aperto de mão,
Da dor eu sou o antídoto
Que sana a dor da paixão,
Da sua vida; serei vida;
E tudo afinal então.

***





3 comentários:

  1. Poema lindo !!!
    Parabéns pela sensibilidade, meu querido amigo !
    Abraços...com carinho...

    ResponderExcluir
  2. Olá ,sou professora,conheci seu blog através de uma amiga, gostaria de fazer um pedido para que me ajude indo no link abaixo e deixando um recadinho.Estou concorrendo com o meu texto:"Transformando um Sonho em Realidade" no concurso Educação Nota 10 do Globo.
    A seleção acontecerá agora no dia 30/01/2012.
    Por favor, visite o link e deixe um comentário por lá.
    Será que vc pode me dar uma força?
    Conto com a sua ajuda!
    Qualquer problema, postei também o link no post do meu blog, é só ir lá e clicar (http://ler-com-prazer.blogspot.com).
    Obrigada!Paz e Luz!
    Esse é o link:
    http://www.educacao10.syncmobile.com.br/?p=576

    ResponderExcluir
  3. Boa tarde, amigo poeta. Uma poesia completa e linda, perfeita de beleza e romantismo.
    Adoro ler você.
    Comentei no seu outro blog em todas as suas poesias.
    Amei!
    Pensamento que sai da sua alma, é sempre rico!
    Um beijo na alma, e fique com Deus!
    Tenha uma semana excelente!

    ResponderExcluir